Informamos que desde outubro de 2017 o recadastramento de servidores inativos, servidores em afastamento preliminar à aposentadoria e pensionistas especiais do estado de Minas Gerais (beneficiários) passou a ser feito pela Secretaria de Estado de Fazenda (SEF), em substituição às coordenadorias regionais da Secretaria de Estado de Planejamento e Gestão (Seplag).

 

O recadastramento anual é obrigatório e deve ser realizado no MÊS DE ANIVERSÁRIO do beneficiário, independentemente de qualquer comunicação oficial (a carta de convocação não é mais emitida). O descumprimento dessa obrigação implicará o bloqueio do pagamento do beneficiário até que a situação seja regularizada.

 

Para visualizar mais informações sobre o recadastramento anual obrigatório, clique aqui.